16 de jan de 2017

É preciso tentar.



Nada nunca é fácil, tudo que começa requer alguns itens básicos como tempo, dedicação, entendimento, precaução. É como fazer um trabalho escolar. Você tem um tema, precisa pesquisar sobre, formular, e tem a introdução, o desenvolvimento e tudo leva um certo tempo, você não começa hoje para terminar amanhã, apesar de muitos fazerem isso não é correto, afinal não é atoa que os professores passam com algumas semanas ou as vezes meses de antecedência.



Conversando com uma garota sobre pessoas, ela comentou comigo que havia conhecido um garoto muito legal, mas que estava um pouco incomodada com algumas questões sobre ele. Comecei então a pensar sobre como as coisas só dão certo quando as pessoas são diferentes uma da outra.
Além do mais qual a chance de se encontrar alguém com os mesmos pensamentos que os nossos, objetivos, crenças. É tão difícil, mas a diferença é algo bom. É bom, porque somos do jeito que fomos criados e a melhor forma de compreender o outro é conhecendo.

Não é atoa que existe o primeiro encontro, e os outros milhares. Para você conhecer este alguém, as coisas funcionam indo aos poucos assim como um trabalho escolar não podemos pular etapas. Sempre tive tanto medo de me apaixonar e que isso fizesse com que os meus objetivos sumisse. Mas, quando me dei essa chance notei o quão boba era pois a sensação é ótima. Eu sei quem quero ser, e os meus objetivos continuam os mesmo, só que agora tenho com quem compartilhar.

Relacionamentos são aprendizados constantes, começar a conviver com alguém e dividir, medos, alegrias, inseguranças, sonhos por mais aterrorizante que possa parecer as vezes, é algo bom. Aprender com o outro e ensinar é ótimo. E as coisas que incomodam com o tempo vão se ajeitam, e então descobre que você também tem coisas que podem incomodar.

Porem, é preciso tentar, sentir, viver. Tudo leva tempo. E as vezes tudo que se precisa é ver que todos somos diferentes em relação ao caráter, e isso pode significar novas formas de ver o mundo. A verdade é que ser diferente é bom.

Um comentário:

  1. Concordo com você. Acho que não nos atraímos por pessoas iguais, justamente porque as diferenças é que são novidades em nossas vidas, e portanto, tornam-se interessantes e nos fazem crescer como pessoas. Amar é exatamente isso, na minha opinião. Ótima reflexão! Um beijo :*

    ResponderExcluir

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo