Fui pouco a pouco apagando meu brilho por você

(Você poder ler o texto ao som de New Rules)

Esbarrei em você esses dias, engraçado, você estava indo pra um lugar que odiava ir comigo, parecia feliz e estar se divertindo bastante. Lembrei do quanto você fazia da minha vida um inferno quando eu queria ir a lugares que você não gostava e o quanto você nunca conseguia entrar no clima, reclamava e sempre arranjava motivos pra brigar e irmos embora, mas agora parece que você consegue, não é mesmo.

Não culpo você, pois a idiota fui eu, que enquanto estava com você fui parando aos poucos de fazer as coisas que gostava, frequentar os lugares que curtia, deixando de lado amigos, família, fui pouco a pouco apagando o meu brilho por você.

Você dizia tantas vezes que também estava abrindo mão de muitas coisas por mim, que estava tentando tanto quanto eu, mas o engraçado é que quando esbarrei em você, parecia tão confortável, parecia tão fácil e divertido estar ali e me pergunto porque comigo não era assim.

Tento analisar do que você tanto dizia que estava abrindo mão, já que toda a perda estava sendo minha. Tento analisar e entender o motivo de quando estávamos com meus amigos, as poucas vezes que íamos pular carnaval, beber umas brejas, cair na night, era tão apavorante para você e agora que não estamos mais junto parece tão fácil.

Você reclamava tanto de dinheiro, mas tenho certeza que hoje, é uma das suas menores preocupações, já que o problema era gastar comigo. Será que até hoje você não consegue entender e ver todo esse lado tóxico da nossa relação, o quanto você foi injusto comigo até o último minuto?

Me pergunto, será que você também reclama quando vai num encontro e quer se "mostrar" pagando a conta? Quando tem que pagar o motel para ter uma noite de prazer com alguém?, será que realmente te conheci? acredito que não. 

E você ainda acha mesmo que temos alguma chance? É assim que você trata quem ama? Engraçado, até do meu aniversário você lembrou este ano, lembra do quanto te dizia ser uma data especial e o quanto você pouco se importava? precisou perder para tentar fazer diferente.

Hoje me pergunto, quem é você, de verdade? Pois as vezes não sei se realmente te conheci. Me pergunto se você sempre foi assim tão egoísta ou se eu não quis enxergar pois estava apaixonada. É claro que quero te ver feliz, mas esbarrar em você, só meu deu a certeza, quero você feliz, longe de mim.

You May Also Like

0 Comments